O que é e como fazer o DRE da sua empresa

Postado em 07 de junho de 2022

Finanças e vendas

A sigla DRE é bastante utilizada nos meios relacionados à contabilidade, mas representa também algo de suma importância para a saúde financeira de qualquer empresa, e até mesmo MEIs – Microempreendedores Individuais.

Ao longo deste artigo, vamos explicar o que é o DRE, como faze-lo e qual a importância dele para a sua empresa. Confira!

O que é DRE?

DRE é a sigla para DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO, um relatório contábil que serve para identificar se a empresa está gerando lucro ou prejuízo, como resultado de suas operações.

Este relatório reúne as informações financeiras, fiscais e tributárias relacionadas a um determinado período de tempo, ou exercício, como por exemplo:

  • Faturamento
  • Receita bruta
  • Custo de produção e/ou execução
  • Rendimento de aplicações
  • Despesas
  • Impostos

O relatório de DRE é uma obrigação tributária anual para todas as empresas, com exceção dos MEIs, e é determinada pelas Leis 6.404/1976 e a n° 11.638/07. O Governo Federal utiliza os dados do DRE para verificar o cálculo dos impostos e do IRPF dos sócios.

Porque fazer o DRE – É apenas uma obrigação?

Além da Demonstração do Resultado do Exercício, que é obrigatória, toda empresa pode se beneficiar dos dados obtidos com esse tipo de relatório. Por isso mesmo, muitas empresas realizam o que também é chamado de ARE – Apuração do Resultado do Exercício, de forma mensal ou trimestral.

DRE e ARE são essencialmente o mesmo tipo de relatório, diferindo apenas em sua periodicidade e nas exigências de estrutura que compõem o DRE. Assim, pode-se dizer que muitas empresas fazem DREs periódicos para manter um controle mais eficaz sobre as suas finanças e utilizar os dados obtidos em suas tomadas de decisão futuras.

O DRE é também de vital importância para a obtenção de crédito junto a bancos, financeiras e investidores.

Como se faz DRE – Demonstração do Resultado do Exercício?

A DRE anual deve ser feita ou assinada, obrigatoriamente, por um contador que possua registro no CRC – Conselho Regional de Contabilidade, junto com o Balanço Patrimonial (um demonstrativo contábil dos ativos e passivos da empresa).

A Demonstração do Resultado do Exercício também deve ser feita de acordo com uma sequência de informações determinadas por lei, que inclui:

  • Receita bruta das vendas e/ou serviços prestados.
  • Deduções, abatimentos e impostos na receita bruta.
  • Receita líquida, fruto da receita bruta menos deduções.
  • Lucro bruto, fruto da receita líquida menos custos dos produtos e materiais.
  • Lucro operacional, deduzindo despesas administrativas, financeiras e com as vendas.
  • Resultado do exercício antes do IRPJ e provisões para o imposto.
  • Lucro ou prejuízo líquido.

Já para a DRE ou ARE que é executada para o controle da empresa apenas, e não para o cumprimento da obrigação legal anual, não é necessário seguir a estrutura definida pela legislação, nem a assinatura de um contador habilitado pelo CRC.

Porém, quanto mais detalhado for o relatório, melhor será a visão da situação financeira da empresa e melhores serão as chances desse relatório servir como fonte confiável de informações para tomadas de decisão importantes no presente e no futuro. 

Obtenha um maior controle da sua empresa

Fazer DREs periódicos na sua empresa é uma forma de compreender melhor a real situação financeira, obtendo informações que serão úteis para lidar com problemas ou planejar o seu crescimento.

Mas se você quer ter o controle total sobre tudo o que acontece em sua empresa, o BITIS é o SISTEMA DE GESTÃO ONLINE que você procura!

Com emissor de notas e cupom, PDV, leitura de códigos, cadastro de produtos, impressão de etiquetas, controle de clientes, fluxo de caixa, diversos tipos de relatórios e muitos outros recursos disponíveis através de um sistema online, você tem todas as operações da empresa na palma de sua mão.

E com o módulo de integração com o seu contador, fazer o DRE será uma tarefa muito mais descomplicada e útil para o seu negócio. Conheça o sistema Bitis!

voltar

Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin