Pagamento Instantâneo (PIX) — evite golpes com dicas essenciais

Postado em 26 de janeiro de 2021

Inovação e tecnologia

Tempo de leitura: 2 minutos

O PIX é uma nova modalidade de transferência e pagamento instantâneo que entrou em funcionamento no dia 16 de novembro de 2020. 

Com a sua chegada se tornou possível fazer compras sem a utilização de cartão de crédito, boleto bancário ou dinheiro em papel. Também há a possibilidade de realizar operações financeiras a qualquer hora do dia, inclusive nos finais de semana, com a conclusão da operação em tempo real.

Neste artigo, vamos dar dicas práticas que ajudarão a garantir a segurança no cadastramento e gestão da sua chave PIX, mantendo seus dados seguros da ação de pessoas que têm se aproveitado da novidade para coletar dados dos clientes das instituições bancárias.

Quer saber como garantir a segurança nas transações financeiras PIX? Então continue a leitura e descubra!

Cuidado com qualquer e-mail suspeito

Nas últimas semanas, desde a divulgação do cadastramento das chaves PIX, vêm acontecendo fraudes associadas ao envio de mensagens falsas para celular, e-mails e mensagens nas redes sociais. 

O principal objetivo é pegar dados dos clientes, o que permite acessar contas bancárias, utilizar o saldo, realizar pagamentos e até mesmo fazer transferências sem a autorização do titular da conta.

Desta forma, a primeira dica é ficar atento ao seu e-mail e a qualquer mensagem suspeita recebida. Os golpistas estão a cada dia se aperfeiçoando, portanto, é necessário ter cuidado com as solicitações de dados e links enviados diretamente em sua caixa de mensagens.

Atenção redobrada com as chaves falsas

Outro cuidado que deve ser tomado está relacionado ao registro das chaves. Para isso, procure os canais de atendimento do seu banco. Pode ser aplicativo, site ou a própria agência bancária.

Para confirmação da chave, logo após a solicitação no canal de atendimento, o seu banco enviará um código por mensagem de texto para o celular ou e-mail cadastrado, o qual deve ser utilizado para confirmar a sua solicitação.

O Banco Central alerta que essa confirmação é feita apenas por esse meio. Por isso, se você suspeitar de qualquer ação, entre imediatamente em contato com o seu banco.

Forneça seus dados apenas no site ou aplicativo do seu banco

Este talvez seja um dos cuidados mais importantes e que vão fazer toda a diferença na proteção do usuário.

As instituições bancárias solicitam dados e informações pessoais apenas no site ou no aplicativo. Esses dois ambientes são os mais seguros e você deve considerar essa dica antes de realizar qualquer operação.

Desta forma, a orientação é que senhas, dados pessoais ou códigos de acesso sejam fornecidos apenas no site do banco ou no aplicativo e que, por serem informações pessoais, é fundamental ser de uso exclusivo.

Em caso de dúvidas entre em contato com o seu banco

Caso você tenha qualquer dúvida ou suspeita, recomendamos que entre em contato com o seu banco. Ele poderá verificar a sua solicitação de chave PIX e sobre eventuais movimentações.

O pagamento instantâneo foi criado com o objetivo de facilitar a rotina de pagamento e operações bancárias. Por isso, ele representa uma mudança importante para o setor financeiro.

Entretanto, os usuários devem estar sempre atentos, realizando suas operações sempre por meio do site ou aplicativo oficial e entrando em contato com a instituição bancária sempre que surgir qualquer dúvida ou ação considerada suspeita.

Gostou deste artigo sobre o pagamento instantâneo PIX? Então aproveite para assinar a nossa newsletter e receba outras dicas e conteúdos exclusivos!

voltar

Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin