Por que é tão importante realizar o inventário de estoque?

Postado em 22 de dezembro de 2020

Finanças e vendas, Gestão de estoque

Tempo de leitura: 3 minutos

O inventário de estoque é um importante procedimento de apuração quantitativa que leva segurança à administração dos produtos de uma empresa e visa o controle efetivo para minimizar prejuízos e potencializar a receita. Ou seja, é responsável pela gestão e controle dos produtos para definição do planejamento de compras, produção e estratégias de vendas.

A empresa que deseja ter uma gestão organizada e bem-sucedida, precisa ver o estoque como um importante fator de desempenho do negócio, afinal, garantir o produto para venda é essencial nas estratégias de atração e fidelização dos clientes.

Neste artigo você vai descobrir o que é um inventário de estoque, sua importância e como realizar o procedimento. Continue a leitura!

O que é um inventário de estoque?

É o método de levantamento de todos os produtos e itens armazenados que tenham finalidade de venda. Consiste na conferência e contagem para relacionar os dados registrados no sistema ou em qualquer mecanismo de registro e controle de estoque.

O principal objetivo é analisar o giro das mercadorias. Dessa forma é possível definir quais produtos precisam de reposição, assim como aqueles que estão parados por muito tempo sem ciclo de venda.

As etapas do inventário de estoque são: 

  • identificação;
  • classificação;
  • contagem.

Tipos de inventário

Basicamente existem 5 tipos de inventário de estoque: 

  1. inventário geral: contagem abrangente para avaliação do patrimônio da empresa. Contempla itens de almoxarifado, insumos, mercadorias e maquinário;
  2. inventário parcial ou dinâmico: contagem de uma parte específica dos bens de uma empresa, com foco em um conjunto de mercadorias ou de um estoque de uma filial da empresa, por exemplo;
  3. inventário anual: contagem dos bens para fechamento do ano fiscal;
  4. inventário rotativo: contagem do estoque com periodicidade diária, semanal, quinzenal ou mensal para itens que apresentam um giro grande e necessidade de reposição imediata;
  5. inventário cíclico: contagem para ajuste entre a quantidade de itens no estoque e as informações disponíveis nos lançamentos contábeis.

Por que é tão importante realizar o inventário de estoque?

A partir do método de inventário de estoque, nascem estratégias para recuperação de receita, aumento das vendas e melhoria da gestão. O levantamento é primordial para mostrar o desempenho do negócio, se tratando da saída dos produtos.

A competitividade varejista obriga que gestores e empresários tenham informações precisas para tomar decisões. Por isso, saber a quantidade de venda dos produtos, ajuda a prever sobre as vendas e determinar ações para curto, médio e longo prazo.

Quais os passos para fazer o inventário de estoque?

Antes de mais nada, é primordial saber como fazer um inventário de estoque, pois trata-se de um procedimento complexo, que exige planejamento para evitar divergências.

Um bom controle de estoque otimiza a compra de materiais e insumos, facilita o controle de fornecedores, auxilia no planejamento financeiro e fortalece relatórios gerenciais. Confira a seguir, os passos para realizar um inventário de estoque.

1. Definição de data e horário

O inventário de estoque demanda tempo. No geral, as empresas escolhem datas como finais de semana ou feriados para garantir a confiabilidade da operação. Escolher um horário e dia em que as movimentações estejam paralisadas é importante, inclusive, para agilizar o trabalho.

2. Formação da equipe responsável

Selecionar colaboradores com perfil de organização e controle vai ajudar na hora de fazer o inventário. A quantidade de pessoas dependerá do tamanho da estrutura e quantidade de itens que serão contados.

A equipe deve ser separada por categoria, tendo líderes para coordenar e direcionar as atividades. Um inventário de estoque é repleto de detalhes e contar com pessoas com capacidade analítica é crucial para ter bons resultados.

3. Organização do espaço

Para fazer o inventário de estoque será necessário movimentar os produtos e mercadorias dos lugares onde estão armazenados e a organização do espaço é fundamental para que essa movimentação seja eficiente.

Para isso, aproveite ao máximo o espaço vertical, utilizando prateleiras para otimizar o espaço e separe os materiais de acordo com as suas características. Além disso, uma outra dica é usar etiquetas detalhadas nas caixas e embalagens para auxiliar na identificação.

Como sistemas de gestão podem ajudar no inventário de estoque?

O estoque é o coração de uma empresa atuante no varejo. Nele estão armazenados produtos para venda, além de todos os recursos de movimentação financeira. Por conta disso, um bom sistema de gestão pode oferecer um melhor gerenciamento das informações que envolvem todos os setores da empresa.

É exatamente isso que o Bitis tem a oferecer. Um sistema de gestão comercial focado em atender as necessidades da empresa, agrupando o controle de vendas, de estoque e financeiro, com emissão de notas fiscais e boletos.

Agora você já sabe o que é e como realizar um inventário de estoque. Coloque as dicas em prática e garanta uma contagem segura com menor risco de retrabalho. Lembre-se que o estoque é uma operação importante para a organização e precisa de efetividade no seu gerenciamento e controle.

Se você gostou deste artigo e deseja saber mais sobre como um sistema de gestão pode ajudar a sua empresa, acesse o site da Bitis agora mesmo!

voltar